Vídeos Youtube

Loading...

18 de agosto de 2016

Release: Medeiroz - "Trrash/Death - Metal Tradicional" (São Paulo/SP)



 Três amigos de longa data: Erik Braz, Klaus Saternus e Ronaldo Schüller, sempre desejaram montar uma banda de metal e escrever um som autoral. Porém o tempo passou (quase vinte anos), e o projeto da banda nunca foi para a frente, mas jamais deixou de ser um grande sonho.


Já em 2014, Klaus já havia composto diversas letras e o projeto de formar uma banda voltou à pauta. Conheceram o guitarrista Rafael Valente e se juntaram para tocar alguns covers e, tocando esses covers, o primeiro riff autoral foi criado, nascia aí a banda MEDEIROZ e a primeira música, Ethereal. Poucos meses mais tarde, o guitarrista Ricardo Davini foi convidado por Erik para tocar com eles. A formação da MEDEIROZ estava completa


Após dois anos de ensaios e composições, procurando uma maneira própria de fazer metal, aí está! O álbum DOMINION contém dez faixas com as mais diversas influências dentro (e fora) do estilo. Do Thrash/Death ao Metal Tradicional, tudo com um denominador comum ... O peso!


Formação:

Klaus Saternus – Vocal
Erik Braz – Bateria
Ronaldo Schüller – Baixo e backing vocal
Rafael Valente – Guitarra solo
Ricardo Davini – Guitarra base e backing vocal


Segue link para audição do primeiro trabalho, chamado DOMINION:




 

18 de março de 2016

Release: Verfault - "Philosophic Metal" (Indaiatuba/SP)


A banda Verfault foi formada em 2007 por Leandro Cefali e este ano dará início a gravação de seu terceiro Full-lenght!

A banda é da cidade de Indaiatuba/SP, e a sua proposta é apresentar um estilo novo tanto de música quanto de arte, que consiste em mesclar o Metal Extremo com Filosofia, assim sendo nomeado de "Philosophic Metal".

Todos os álbuns da banda exploram uma ideia principal e cada letra tem uma parcela de contribuição para transmitir esta mensagem.

O primeiro álbum, intitulado de Abrupt Worlds aborda a guerra existencial de cada ser para alcançar a sua própria evolução. Tanto as melodias quanto as letras vagam por caminhos tortuosos, estes que geralmente um ser percorre durante a sua estadia em uma determinada esfera.

Integrante: Leandor Cefali (baixo/guitarra/bateria/vocal)

Contatos:




26 de janeiro de 2016

Release: Balísttica - Heavy Metal (Belo Horizonte/MG)

 
Balísttica é uma banda de Heavy Metal formada em junho de 2014 pelos guitarristas JP Zampiere, Robert Reike e o baterista Dimas Correa, músicos residentes na Região Metropolitana de Belo Horizonte.
 
Os primeiros ensaios contaram com a contribuição de Fernando Cesar na criação dos riffs e das linhas de contrabaixo da composição posteriormente batizada “Robotic Sense”, para em seguida dar lugar à Oliver Ley, assumindo o instrumento e iniciando as gravações das primeiras músicas.
 
Em 2015 Robert deixa a banda para cuidar de assuntos pessoais e a cantora Gabriela Lopes é convidada, unindo sua voz forte e melódica ao peso do instrumental, a banda entra em um árduo processo de ensaios e composições, sempre pautado no Heavy Metal, com bastante liberdade rítmica e melódica, tendo como principais referências Deep Purple, Black Sabbath, Led Zeppelin, Accept, Running Wild, Judas Priest, entre tantas outras. Suas letras têm como principal temática as narrativas ficcionais, filosóficas e existenciais.
 
 
A banda lança sua primeira demo em 2015, contendo três composições: “Robotic Sense”, “Black Shark” e “Queen of the Black Coast”. Com mais 8 composições em desenvolvimento é iniciado os trabalhos para um álbum completo previsto para o segundo semestre de 2016.
 
Integrantes:

Gabriela Lopes - Vocal
Dimas Correa - Bateria
JP Zampiere - Guitarra
Oliver Ley - Baixo
Robert Reike - Guitarra
 

21 de janeiro de 2016

BIO: Motörhead (Inglaterra)

Mais uma homenagem, e das mais justas, a lenda Motörhead e seu criador Lemmy.
A "BIO" deste mês vai contar um pouco da trajetória de uma das maiores e mais influentes bandas de Heavy Metal do mundo.

Motörhead

 
Motörhead foi uma banda inglesa de Heavy Metal, formada em junho de 1975 pelo baixista, cantor e compositor Ian Fraser Kilmister, conhecido profissionalmente por Lemmy, sendo o líder e membro constante da banda até sua morte recente morte em 2015. A banda foi considerada uma das percussoras e primeiras bandas da Nova Onda do Heavy Metal Britânico (NWOBHM), que reviveu o Heavy Metal no final dos anos 70 e no começo dos anos 80. Não obstante, Lemmy sempre rotulou a música do Motörhead simplesmente de "Rock And Roll".
 
 
O Motörhead lançou 22 álbuns de estúdio, 10 gravações ao vivo, 12 compilações e cinco EPs. Como um Power Trio, eles alcançaram um grande sucesso no começo dos anos 80 com vários singles que obtiveram espaço na Parada de Singles do Reino Unido. Os álbuns "Overkill", "Bomber", "Ace Of Spades" e particularmente "No Sleep 'Til Hammersmith", consolidaram a reputação do Motörhead como uma banda de rock de alto nível. A banda entrou na lista "100 Melhores Artistas de Hard Rock" do canal VH1, ficando na 26ª posição. Até 2012, já haviam vendido mais de 15 milhões de álbuns no mundo todo.
 
 
A sonoridade do Motörhead é tipicamente classificada como um Heavy Metal, mas sua fusão com o Punk Rock os colocou como os pioneiros do Speed Metal e do Thrash Metal. Suas letras geralmente abordavam temas como guerra, o bem contra o mal, abuso de poder, sexo promíscuo, abuso de drogas e, sobretudo, os jogos de azar. O nome "Motörhead" - com o uso do trema do metal - refere-se aos usuários que fazem uso de anfetaminas. O característico logotipo da banda que apresenta um javali com correntes e espinhos, foi criado pelo artista Joe Petagno em 1977 e usado no álbum de estreia da banda, aparecendo na maioria de seus lançamentos subsequentes.
 
Em 28 de dezembro de 2015, foi informado na página do Facebook da banda que o vocalista e baixista Lemmy havia falecido. No dia seguinte, o baterista Mikkey Dee anunciou oficialmente que a banda chegou ao fim depois da morte de Lemmy.
 
 
Conheça mais detalhes sobre a biografia da banda pelo link abaixo
 
 
 

13 de janeiro de 2016

Para sempre Motörhead

A primeira postagem do ano de 2016 é uma pequena, mas sincera, homenagem a um dos maiores nomes da música pesada e todo o seu legado ...

 
Obrigado por tudo e descanse em paz Lemmy Kilmister!